Há três anos em Dourados, haitiano se prepara para luta de MMA

O haitiano luta neste sábado na competição MMA no Salão da Seleta, em Dourados.

Neste sábado ele busca mais uma vitória, na competição de MMA, na categoria 57 quilos (Foto: divulgação/Roberto Martine)
Neste sábado ele busca mais uma vitória, na competição de MMA, na categoria 57 quilos (Foto: divulgação/Roberto Martine)

Há três anos em Dourados, Roberto Martine, de 23 anos, se prepara para mais uma luta, que acontece neste sábado, dia 16, no Salão da Seleta, às 19 horas.

Com 1,80 metro de altura, ele já lutou em São Paulo, Costa Rica, Equador, Rio Grande do Sul e em várias cidades de Mato Grosso do Sul. E no sábado ele busca mais uma vitória, enfrentando Fabiano Selau, na competição de MMA, na categoria 57 quilos.  

Martine, procurando uma oportunidade de vida melhor, saiu do Haiti há três anos e meio, e foi direto para São Paulo. Depois de alguns meses, veio para Dourados, onde continua até hoje, e não pretende se mudar. Casado, o atleta conta com o apoio da esposa, o incentivando sempre, já que ele trabalha até madrugada na BRF e acorda cedo, todos os dias, para treinar.  

Antes de chegar no Brasil, quando morava na República Dominicana, Martine era matador de tubarão. Ele conta que ficava vários dias em alto mar e precisava mergulhar, em torno de 50 metros de profundidade, onde encontrava os tubarões. 

Agora, o próximo sonho é trazer sua família do Haiti para o Brasil e poder dar a ela uma melhor condição de vida. 

Comentários
Os comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei ou que não contenha identificação não serão publicados.
  • Florisvaldo

    Florisvaldo

    Trabalha comigo! Boa sorte meu amigo! Vc merece!