Prefeitura recua e diz que não vai fechar Ceim Pequeno Príncipe, no Santo André

Decisão de mudar atendimento educacional para o Jardim Colibri gerou críticas de pais e mestres e cobrança de explicações por parte do MPE

Ceim Pequeno Príncipe continuará no Santo André em 2018, até que outro imóvel seja alugado no mesmo bairro (Foto: Reprodução/TV Rit)
Ceim Pequeno Príncipe continuará no Santo André em 2018, até que outro imóvel seja alugado no mesmo bairro (Foto: Reprodução/TV Rit)

A Prefeitura de Dourados recuou na decisão de desativar o Ceim Pequeno Príncipe, que funciona há 23 anos no Jardim Santo André. A 94FM apurou que a administração municipal decidiu manter esse Centro de Educação Infantil do Município em atividade no próximo ano depois de ter recebido queixas de pais e mestres e até mesmo uma cobrança formal de explicações por parte do MPE-MS (Ministério Público Estadual).

Leia também: 

-Pais criticam decisão da prefeitura de mudar endereço de Ceim após 23 anos

Na segunda-feira (4) venceu o prazo dado pela promotora de Justiça Fabrícia Barbosa Lima, titular da 9ª Promotoria da Comarca, para que a secretária municipal de Educação, Denize Portolann Moura Martins, esclarecesse a situação que veio à tona em matéria publicada no final de novembro pela 94FM.

A reportagem da 94FM apurou que no ofício enviado ontem para a Promotoria de Defesa da Infância e da Juventude, a secretária informou que o Ceim Pequeno Príncipe continuará atendendo em 2018. Segundo a gestora municipal, mesmo que não seja no atual endereço, haverá esforço para alugar outro imóvel no mesmo bairro.

No final de novembro, quando a 94FM divulgou a nota de repúdio da Associação de Pais e Mestres do Pequeno Príncipe quanto à possível mudança de endereço do Ceim para o Jardim Colibri, a assessoria da Secretaria Municipal de Educação alegou estar cumprindo uma recomendação do TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul).

Na ocasião, a administração municipal confirmou que a mudança ocorreria a partir de 2018 e recomendou que pais e responsáveis pelas crianças matriculadas no local fizessem o acesso ao site da prefeitura para inscrição da nova matrícula.

Nesta terça-feira (5), contudo, a secretária Denize Portolann garantiu à reportagem da 94FM que o Ceim Pequeno Príncipe vai continuar no mesmo local em 2018, num imóvel alugado no na Rua Adroaldo Pizini, no Jardim Santo André. Ela informou que o TCE havia recomendado a mudança de endereço por considerar o atual inadequado para o atendimento educacional.

Ainda conforme a secretária municipal de Educação, assim que outro local adequado para instalação de um centro de educação infantil for encontrado no Santo André, deverá ser alugado pela prefeitura para sediar o novo Pequeno Príncipe.

*Colaborou Karol Chicoski.

Comentários
Os comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei ou que não contenha identificação não serão publicados.