O outono quer se instalar

Foto: http://www.notredamedeparis.fr/la-cathedrale/
Foto: http://www.notredamedeparis.fr/la-cathedrale/

A manhã cinza teima em querer segurar a aurora. A garoa da noite molhou as calçadas onde o vento soprando as árvores da alameda, empurrou para o chão as folhas que começam a amarelar após os dias de verão e, dessa forma, entapetar as ruas. O Norte caminha a passos largos para o outono bem humorado com suas belas cores, entre o amarelo, o marrom e, às vezes, o vermelho.

Em contrapartida, os dias começam a se encurtar e a gente sabe que, com o caminhar dos dias, o inverno vai se instalar. Por esta razão, agora, nesta noite de temperatura por volta de 20 graus, atravessar Paris de bicicleta é um prazer redobrado. Do bairro latino, "Quartier latin", onde tomamos um chope no lançamento do 7° livro, dessa vez em francês, do carioca Marco Guimarães, "Le Corbeau", O Corvo, decidimos voltar pedalando.

Pegamos uma bicicleta da rede da cidade, Vélib, e descemos apreciando os monumentos iluminados. Sem pressa. O rio Sena tem suas pontes iluminadas refletindo em suas águas que se dirigem nas suas inúmeras voltas, ao mar. Mantendo uma distância necessária, podemos ver essa igreja que levou cerca de 100 anos para ser construída, a Notre Dame. Quantos trabalhadores não passaram horas na edificação de suas enormes paredes? Artesões, artistas não estiveram criando as inúmeras estátuas? Um belo presente aos olhos para a nossa e as gerações futuras. Parimônio a preservar. Seguindo em frente, atravessamos outra ponte sobre o outro lado do Sena, saindo da Ilha de La Cité.

Parada na ponte para apreciar uma vez mais as pontes iluminadas, as águas nas suas constantes descidas. Na frente, a prefeitura da cidade. Faixada da frente, laterais... iluminação que faz a alegria de tantos turistas que param para as tradicionais fotos. A hora avança. Penso nos engenheiros de hoje que sabem fazer ressaltar tantas belezas do passado que iluminam nossas almas.

Bom final de semana!

Comentários
Os comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei ou que não contenha identificação não serão publicados.